• Revista lounge*

Insustentáveis: arte urbana, movimento, cor e interação

Culture

Insustentáveis: arte urbana, movimento, cor e interação

As artistas Beatriz Evrard e Bia Ferrer apresentam “Insustentáveis”, projeto que une fotografia, arte de rua, dança, corpo e expressão. O resultado dessa junção se transforma numa exposição inédita que acontece até o dia 17 de junho, no Centro Cultural Olido, em São Paulo.

A bailarina e acrobata Denise Evrard protagoniza um personagem que foi inserido em pontos emblemáticos no centro da cidade. Insustentáveis permite uma contemplação deste corpo em diversas posições acrobáticas. A inspiração surge do romance literário “A Insustentável Leveza do Ser” do escritor tcheco Milan Kundera, e retrata o conceito de opostos, de peso e leveza, proposto pelo filósofo grego Parmênides; e o conceito de eterno retorno, escrito pelo alemão Friedrich Nietzsche.

Desde 2002, a fotógrafa Bia Ferrer busca material para suas produções artísticas em ruas de grandes cidades do mundo, como São Paulo, Berlin, Nova Iorque, Barcelona, inserindo a fotografia na paisagem urbana, através das técnicas de colagem, fotografia e projeção.

Os desenhos formados pelo corpo da artista inseridos na arquitetura urbana retratam a leveza e o peso, momentos opostos e lugares de suspensão na cidade. As imagens foram especialmente selecionadas conforme cada paisagem urbana. Com formato lambe-lambe e colagem nas fachadas, as imagens podem atingir o tamanho de 6 metros, sendo possível observá-las de diferentes pontos de São Paulo.




Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais em Culture

To Top