• Revista lounge*

News

Morre a multitalentosa Fernanda Young

Fernanda Young, atriz, escritora, roteirista e apresentadora de TV, morreu na madrugada de domingo (25), no sítio da família em Gonçalves, Minas Gerais, aos 49 anos. Fernanda, que foi capa da lounge* em 2004 – capa que está enquadrada e pendurada na parede da redação -, teve uma crise de asma seguida de uma parada respiratória; chegou a ser socorrida em um hospital, mas não resistiu. 

Fernanda deixa o marido, Alexandre Machado, e quatro filhos: as gêmeas Cecília Maddona e Estela May, de 19 anos; Catarina Lakshimi, de 10 anos; e John Gopala, também de 10 anos.

Carreira

Fernanda Maria Young de Carvalho Machado nasceu em Niterói (RJ) e frequentou a faculdade de letras da Universidade Federal Fluminense, cursou jornalismo na Faculdade Hélio Alonso e Rádio e TV na Faap, mas não terminou nenhum dos cursos.

Em 1995, estreou como roteirista no programa “A Comédia da Vida Privada”, da Rede Globo, adaptação de textos de Luis Fernando Veríssimo que assinou com o marido, Alexandre Machado. Em 1996, lançou o primeiro livro, “Vergonha dos Pés”, pela editora Objetiva.

Uma das suas séries de maior sucesso foi “Os Normais”, comédia estrelada por Fernanda Torres e Luiz Fernando Guimarães. Foi exibida na TV Globo entre 2001 e 2003. A série deu origem a dois filmes, um de 2003 e outro de 2009, também escritos por Fernanda Young e outros roteiristas.

Trabalhando sempre em parceria com Alexandre Machado, Fernanda Young assinou as séries “Os Aspones”, “O Sistema”, “Separação?!”, “Macho Man”, “Como Aproveitar o Fim do Mundo”, “O Dentista Mascarado”, “Vade Retro”, o especial de fim de ano “Nada Fofa” e os quadros do Fantástico: “As 50 Leis do Amor” e “Super Sincero”.

Fernanda apresentou o programa “Irritando Fernanda Young”, entre 2006 e 2010, e “Confissões do Apocalipse”, em 2012, ambos no canal GNT. Também participou de outros programas, como “Saia Justa” e “Odeio Segundas”. E, no canal Viva, do “TV Mulher”. Ela foi indicada duas vezes ao prêmio de Melhor Comédia do Emmy Internacional, por “Separação?!” e “Como Aproveitar o Fim do Mundo”. Seu último trabalho como roteirista na Globo foi “Shippados”.

Young também é autora de ao menos 14 livros, entre eles, “Pos-F”, “Estragos” e “A mão esquerda de Vênus”. Em 2009, fez barulho ao sair nua na revista “Playboy”, que acabou vendendo acima das expectativas. “Espero que mais mulheres inteligentes e incomuns posem para a revista, cada vez mais nuas e mais livres”, disse na época.

Em 2013, ela escreveu e atuou como uma das protagonistas da série “Surtadas na Yoga”, com 13 episódios na primeira temporada. A série contou a história de três mulheres e o que elas faziam para não surtar. No cinema, além dos filmes “Os Normais” e “Os Normais 2”, participou do roteiro de “Bossa Nova” e “Muito Gelo e Dois Dedos D’Água”.




Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais em News

Recentes

To Top