• Revista lounge*

Café Society Soul Festival traz o melhor do jazz para SP

Música

Café Society Soul Festival traz o melhor do jazz para SP

Começou ontem, quarta-feira (28), o Café Society Soul Festival. Conhecido pela boa música ao vivo, do jazz às vertentes da black music, o dinning club reúne até sábado (01/12), nomes de peso do cenário.

Abrindo o festival, o americano Leon Beal. Destaque na cena musical de Boston, o músico não só dividiu palco com The Temptations, Harold Melvin e The Whispers como ,também, foi convidado a se apresentar na Casa Branca para o então presidente Barak Obama.

Com inspiração na Mottown e nas raízes do Delta do Missisipi, JJ Thammes é uma das novas musas do soul music e R&B com dois discos já lançados e carreira em plena ascensão com aplausos da crítica especializada.

Apaixonada por sons latinos, a inglesa Jesuto fez uma viagem pela América do Sul, se encantou pelo Brasil, ficou e passou a cantar nas ruas.

Abrindo as noites, o DJ Ebb, expert em soul music e R&B, faz seus sets.

As atrações nacionais fecham o festival com duas homenagens. Graça Cunha interpreta o melhor das divas do soul. E o aclamado baterista e vocalista Dom Paulinho Lima faz a festa com os hits de Tim Maia.

Com o apoio do Prodigy Hotel, o Café Society Soul Festival é uma produção dedicada ao estilo mais emocional da black music, cheio de amor e suingue, e que ainda não tinha ganho por aqui uma celebração só para ele.

Programação:

29/11 | às 22h30 – J.J. Thames

30/11 | às 22h30 – Jesuton

01/12 | às 21h30 – Graça Cunha e Dom Paulinho Lima

Serviço

Rua Amauri, 334 – Itaim Bibi – SP

www.cafesocietysp.com.br

@cafesocietysp

fotos: Ali Karakas




Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais em Música

To Top