• Revista lounge*

Revista lounge*

“Tinder” fashion reúne moda íntima e setor de joias do Rio

“Tinder” fashion reúne moda íntima e setor de joias do Rio

Moda

“Tinder” fashion reúne moda íntima e setor de joias do Rio

Programa da Ajorio em parceria com a Firjan reúne os dois setores e já tem kits de presentes para o Natal

Um casamento que deu certo e já rende frutos para o Natal. É nessa linha que pequenas empresas do setor de joias e de moda íntima estão trabalhando juntas desde agosto do ano passado para produzir peças em conjunto, dentro de um programa promovido pela Ajorio e pela Firjan, para ser na moda do Rio como um “tinder” – o aplicativo que promete juntar pretendentes solteiros.

Integrantes do projeto, a Ame Mais, de bijuterias, e a Lalie Lalou, de lingerie, lançaram em conjunto uma linha de kits da sorte para o fim do ano. Antenada na tradição de combinar a lingerie nova da virada do ano com bons presságios, a dupla desenvolveu kits combinando o significado das cores nas roupas com a energia das pedras, usadas nas bijuterias.

Calcinhas e tops com as cores da paz, amor, paixão e fortuna – respectivamente representados por branco, rosa, vermelho e amarelo – fazem dobradinha com as pedras da sorte em colares banhados a prata, pingentes com design especiais dos temas e choker, uma peça versátil que pode ser usada tanto como gargantilha, como pulseira.

“Para quem quer amor, a pedra Quartzo Rosa ajuda a purificar e abrir o coração em todos os níveis. A Pedra Granada amplia os desejos, as emoções e a vitalidade, por isso é a pedra para quem quer viver paixões no próximo ano. Para um ano de muita paz e equilíbrio, a pedra cristal é a indicada, pois equilibra as emoções e desfaz a negatividade. A Pedra Citrino, uma das mais procuradas, é a pedra da riqueza e atrai abundância e sucesso, além de melhorar a autoestima”, explicou Ana Paula Meira, da Ame Mais.

A coleção inclui ainda o kit “Xô, Uruca!”, que traz, além da calcinha da cor escolhida, uma garrafinha de sal grosso com aroma de lavanda e a Choker, que já vem com as quatro pedras e um pingente com o tema.

Assim como no aplicativo tinder, que usa o termo “deu match” para selar o interesse mútuo entre dos usuários, o projeto da Firjan e da Ajorio está apenas no começo dos resultados. O Programa de Apoio à Competitividade das Micro e Pequenas Indústrias (Procompi) surgiu de uma proposta da Associação de Joalheiros e Relojoeiros do Rio de Janeiro (Ajorio) e do Sindicato das Indústrias do Vestuário de Nova Friburgo (Sindvest), em parceria com a Federação das Indústrias do Rio de Janeiro (Firjan). Foram selecionadas trinta empresas, 15 de cada setor que estão trabalhando em pares. O projeto teve início em agosto deste ano e a previsão é de conclusão em um ano.

Já foram realizadas duas etapas do programa, executado pela Firjan, que incluíram workshops de gestão de produtividade e de desenvolvimento do produto, com consultorias individuais. A proposta é que cada dupla desenvolva um produto que será exibido em um desfile em julho de 2018, na Fevest, feira de moda íntima de Friburgo.

Para testar a aceitação do seu produto, a Ame Mais e a Lalie Lalou produziram uma quantidade pequena, apenas 65 kits, que estão sendo vendidos nas cinco lojas da Lalie Lalou. Segundo Ana Paula, a dobradinha está dando certo e os kits devem esgotar rapidamente. “Acho que vamos vender tudo antes do Natal”, disse.

Para a presidente da Ajorio, Carla Pinheiro, parcerias como as propostas pelo Procompi são importantes para ajudar pequenos e médios produtores a superar a crise e melhorar as vendas. “É a convergência setorial que buscamos tanto. São dois setores importantes para a imagem do Rio de Janeiro, que geram divisas porque são grandes exportadores, geram imagem positiva e agenda positiva de trabalho”, afirmou.

Este slideshow necessita de JavaScript.




Continue Lendo
Você pode gostar...
Clique para comentar

Deixe uma resposta

Mais em Moda

To Top