Revista lounge*

Revista lounge*

Florianópolis ganha festival internacional de cinema na área de meio ambiente

Tem que ir

Florianópolis ganha festival internacional de cinema na área de meio ambiente

Viabilizado pelo Funcultural, projeto trará o melhor do cinema mundial na área de meio ambiente para o público em sessões gratuitas

 “Mude o seu Olhar. Descubra a Terra. Com este slogan acontece em Florianópolis a primeira edição do Festival Internacional de Cinema Socioambiental – Planeta.Doc. Viabilizado pelo Governo do Estado de Santa Catarina por meio do Fundo Estadual de Incentivo à Cultura (Funcultural), o projeto segue até o final de novembro com a proposta de unir cinema, educação e sustentabilidade.

O Planeta.Doc busca a inserção do debate sobre a sustentabilidade nas escolas e universidades com o objetivo de apoiar uma nova cultura, que preste maior atenção às relações entre o homem e seus ambientes naturais, sociais e culturais.

Foram fechadas parcerias com universidades que serão pontos de exibição do festival: Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), Universidade do Estado de Santa Catarina (UDESC), Universidade do Sul de Santa Catarina (Unisul), além da Fundação Certi – Centros de Referência em Tecnologias Inovadoras.  O Festival também acontece no Centro Integrado de Cultura (CIC), vinculado à Fundação Catarinense de Cultura.

O Festival estabelece um espaço de reflexão crítica que apoia o movimento geral de sensibilização sobre a importância vital de uma convivência harmoniosa do ser humano com a natureza, estruturado a partir de um extenso trabalho de envolvimento comunitário e na arte cinematográfica como mecanismo de educomunicação.

“Partimos da premissa de que a arte é uma das principais formas de sensibilizar a sociedade sobre as questões ambientais. Queremos discutir a sustentabilidade através do cinema, aliando a reflexão global à local”, destaca a idealizadora do projeto, produtora cultural e diretora do Festival, Mônica Linhares

Concurso de vídeo

As ações do Planeta.Doc iniciaram com o lançamento do concurso audiovisual Meu Mundo Mais Vivo, direcionado a estudantes de ensino fundamental, médio e universitário de Santa Catarina. O objetivo é fomentar a reflexão de crianças, adolescentes e jovens sobre a destruição da natureza e revelar ações que vêm contribuindo para a sua preservação.

Os filmes devem ter até um minuto e podem ser gravados com qualquer dispositivo eletrônico. As inscrições estão abertas até o dia 21 de novembro e podem ser feitas na sessão Meu Mundo Mais Vivo do site do festival (www.planetadoc.com).

Os vencedores receberão prêmios em dinheiro (R$ 5 mil cada categoria), sendo que o autor do vídeo na categoria universitária ganhará um troféu produzido pelo artista plástico Silvino Barão Goulart.

Exibições nas escolas

O projeto também promoverá até o final do ano a exibição de filmes socioambientais em instituições de ensino, possibilitando aos estudantes o acesso à problemática mundial do meio ambiente.

Realizada em parceria com a Aequo Sustentabilidade, a ação disponibilizará gratuitamente aos professores filmes, documentários e animações que contribuam para a educação de crianças e jovens.

Os filmes apresentados nas escolas discutirão questões como: radioatividade, emissões de carbono, efeito socioambiental do uso de armas, destinação do lixo, poluição da água, entre outros temas de relevância.

Mostra aberta ao público

Já a mostra ao grande público acontecerá de 14 a 21 de novembro em Florianópolis, com acesso gratuito em vários espaços públicos. Serão exibidos alguns dos mais importantes filmes socioambientais em nível internacional. Estão previstas também exposições fotográficas, peças teatrais, palestras e debates.

O Planeta.Doc receberá também a Mostra do FICA Itinerante – Festival Internacional de Cinema Ambiental, que traz as produções vencedoras da edição 2014. O FICA é um dos mais antigos e consolidados festivais do gênero no país, realizado há 16 anos. Será realizada também uma mostra do CINEECO, de Portugal, um dos mais importantes eventos de cinema ambiental da Europa.

O objetivo da organização é integrar ao projeto cineclubes e associações, a fim de democratizar e facilitar o acesso da população e ampliar o debate público sobre a sustentabilidade. Informações: www.planetadoc.com

Related Images:

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais em Tem que ir

To Top